Monday, 4 October 2010



xxx

3 comments:

FLY said...

Música linda :))

tsiwari said...

Concordo... ideal para um cigarro, noite dentro, numa qualquer beira-mar.

:)

White Flower said...

Ver-te é como ter á minha frente todo o tempo
é tudo serem para mim estradas largas
estradas onde passa o sol poente
é o tempo parar e eu próprio duvidar mas sem pensar
se o tempo existe se existiu alguma vez
e nem mesmo meço a devastação do meu passado


- Ruy Belo -