Friday, 24 December 2010

Giovanna degli Albizzi Receiving a Gift of Flowers from Venus / Sandro Botticelli



xxx

5 comments:

White Flower said...

Era uma vez, lá na Judeia, um rei.
Feio bicho, de resto:
Uma cara de burro sem cabresto
E duas grandes tranças.
A gente olhava, reparava e via
Que naquela figura não havia
Olhos de quem gosta de crianças.

E, na verdade, assim acontecia.
Porque um dia,
O malvado,
Só por ter o poder de quem é rei
Por não ter coração,
Sem mais nem menos,
Mandou matar quantos eram pequenos
Nas cidades e aldeias da nação.

Mas, por acaso ou milagre, aconteceu
Que, num burrinho pela areia fora,
Fugiu
Daquelas mãos de sangue um pequenito
Que o vivo sol da vida acarinhou;
E bastou
Esse palmo de sonho
Para encher este mundo de alegria;
Para crescer, ser Deus;
E meter no inferno o tal das tranças,
Só porque ele não gostava de crianças.


- Miguel Torga -
........................
fEliZ NaTaL pAra ToDOs!!!

FLY said...

Divino! Quase único. Adoro o Botticelli. Um dos meus cinco pintores preferidos de todos os tempos.

FLY said...

Divine! Almost unique. I love the Botticelli. One of my five favorite painters of all time.

Bird said...

TENHO A DIZER QUE ESTA É A MUSICA QUE MAIS ME ARREBATA , QUE ME FAZ CONTORCER...É A MUSICA DA MINHA VIDA.
É TAO INTENSA E IMPORTANTE P MIM TAL COMO ESTE POEMA QUE ME ENTROU NO SANGUE E VOS DESEJO QUE SEJAM AMADOS E AMEM ASSIM:


"Vaza-me os olhos: continuarei a ver-te
Tapa-me os ouvidos: continuarei a ouvir-te,
mesmo sem pés chegarei a ti,
mesmo sem boca poderei invocar-te
Decepa-me os braços: poderei abraçar-te
com o coração como se fosse a mão.
Arranca-me o coração: palpitarás no meu cérebro.
E se me incendiares o cérebro,
levar-te-ei ainda no meu sangue"

Rainer Maria Rilke

FLY said...

:))) e o 'teu' poema elevou toda esta beleza para além de qualquer céu! Tudo junto... Boticelli, Bach/Gounod, Leontyne Price e Rainer Maria Rilke é celestial! :)

Bj*